Logística reversa: entenda do que se trata e como fazer parte

Logística reversa: entenda do que se trata e como fazer parte

O plástico é um material que possui uma enorme versatilidade no universo das embalagens e apresenta inúmeras vantagens para as empresas e também para o consumidor. Porém, é preciso utilizá-lo com responsabilidade, sempre tendo em vista a preocupação com o meio ambiente. Nesse sentido, a logística reversa pode ser uma aliada, pois se empregada corretamente, toda a cadeia irá cumprir o descarte correto, favorecendo que ele volte a ser utilizado posteriormente.

A logística reversa trata do fluxo físico de produtos, embalagens ou outros materiais, desde o ponto de consumo até ao local de origem. Ao desenvolver métodos de conscientização e reuso do material, os impactos são bem menores, favorecendo que os consumidores possam fazer uso das vantagens das embalagens de plástico sem que isso se torne um problema para o meio ambiente. A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) é um dos documentos que apresenta as responsabilidades não só dos consumidores, como também das empresas que usam o plástico nas embalagens.

Os acordos setoriais são atos de natureza contratual, firmados entre o Poder Público e os fabricantes, importadores, distribuidores ou comerciantes, visando a implantação da responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos. Três das categorias às quais a logística reversa se aplica setorialmente são: embalagem de agrotóxicos, as de óleos lubrificantes e as embalagens plásticas em geral.

Gerida pelo Inpev, Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias, o descarte das embalagens do agronegócio já chega a 90% de reaproveitamento. Regidos pela Lei Federal 9.974/2000, esse é o sistema que mais recicla no país. A logística reversa das embalagens plásticas de óleos lubrificantes inclui as concessionárias, postos de combustível e as lojas de revenda. Por se tratar de um sistema com boa rastreabilidade da destinação das embalagens, há um importante acompanhamento logístico.

Já a utilização da logística reversa no setor de embalagens plásticas gerais necessita da contribuição não só da indústria, como também do consumidor. É indispensável conscientizar o cliente sobre o descarte correto das embalagens plásticas, para que seja possível que ela retorne ao ciclo de produção. Preocupada com o meio ambiente, a fabricante de máquinas seladoras Everest apoia as iniciativas de logística reversa e incentiva que seus clientes também façam uso dela!

Última semana de inscrição no “Prêmio para Inovação em Embalagens 2019”

Última semana de inscrição no “Prêmio para Inovação em Embalagens 2019”

A Dow está com inscrições abertas para o “Prêmio para Inovação em Embalagens 2019” e de acordo com o site da Associação Brasileira de Embalagem (Abre), as empresas interessadas podem se inscrever até 29 de março. Este é o segundo ano em que a Dow patrocina a premiação reconhecida globalmente, dando continuidade à iniciativa criada pela DuPont há mais de 30 anos. Seguindo a tradição do prêmio mais antigo do setor, a Dow está compondo um grupo internacional de jurados independentes. Além de incluir a comunidade acadêmica, os projetos serão avaliados por especialistas em diferentes áreas com o objetivo de oferecer uma perspectiva global nas áreas de design, engenharia, varejo, comércio eletrônico e conversão.

No mercado desde 1976, a fabricante de máquinas seladoras Everest, comenta que a busca pelo desenvolvimento de embalagens inovadoras e que atendam a necessidade do cliente é contínua entre as empresas e que prêmios como esse são essenciais para estimular a criatividade. “O ‘Prêmio para Inovação em Embalagens 2019’ faz com que o desenvolvimento de embalagens seja cada vez mais ecológico e consciente, o que pode ser um grande estímulo para uma cultura mais sustentável e acessível”, afirma. Na última edição do prêmio, a embalagem que recebeu o prêmio máximo foi desenvolvida para líquidos e utilizou uma tecnologia avançada que aumenta a eficiência de recursos e ao mesmo tempo consegue oferecer uma melhor experiência para o cliente.

Participar de um evento como o “Prêmio para Inovação em Embalagens 2019” é muito interessante para que a própria empresa possa superar suas expectativas e sair da zona de conforto. Pensar em algo diferenciado e que venha a surpreender os jurados não é uma tarefa fácil e exige bastante esforço, mas a contrapartida é bastante satisfatória. Especialmente às que conquistam uma boa classificação, isso pode ser utilizado inclusive como marketing, sem contar no incentivo para que a ideia seja colocada em prática e as pessoas tenham acesso nas prateleiras dos pontos de venda do produto.

Em 2018, o programa recebeu mais de 200 inscrições de empresas em mais de 30 países. Foram premiados nove finalistas na categoria Diamante (Diamond Award), oito na categoria ouro (Gold Award) e 11 na categoria prata (Silver Award), com destaque para a grande vencedora do Diamond Award – a premiação mais importante do programa. A expectativa para este ano é que ainda mais empresas possam se candidatar, a fim de que novas ideias sejam apresentadas e isso torne o segmento de desenvolvimento de embalagens ainda mais estratégico. “As inovações que as empresas irão apresentar no ‘Prêmio para Inovação em Embalagens 2019’ certamente serão importantes para que todo o segmento passe a observar as tendências do mercado e o quanto ainda podem ousar na criação de suas embalagens”, acredita a Everest.

As inscrições para o “Prêmio para Inovação em Embalagens 2019” são gratuitas e os materiais da Dow e da DuPont não precisam estar presentes nos itens inscritos. Os projetos devem estar comercialmente disponíveis há pelo menos um ano. Para mais informações, acesse o regulamento no site www.dowpackagingawards.com.

Quer mudar a embalagem do seu produto? Veja as dicas da Everest

Quer mudar a embalagem do seu produto? Veja as dicas da Everest

A previsão é que neste ano de 2019, o food service esteja em ascensão. A vida agitada faz com que as pessoas busquem ainda mais se alimentar fora de casa, o que serve de alerta para as empresas que trabalham no ramo alimentício no que se refere à embalagem. Embora uma coisa pareça não ter relação direta com a outra, a maneira como os produtos são encontrados nos estabelecimentos pode fazer muita diferença. Isso porque, a praticidade é o recurso mais almejado, sem contar na resistência e na durabilidade. Como muitas pessoas buscam alimentos prontos para levar pra casa, ou mesmo optam por comer fora, nada melhor do que oferecer um item com resistência e facilidade de uso. Pensando nisso, é interessante buscar meios de mudar a embalagem para se destacar da concorrência.

Para se ter uma noção, de acordo com a Associação Brasileira de Embalagens (ABRE), nos últimos dez anos, o setor cresceu 246% e em 2017 o índice chegou a 6,8%. Os valores refletem os novos hábitos alimentares da população com a explosão dos serviços de delivery por aplicativo e do segmento grab and go, em que o consumidor pede a comida no balcão para levar. Esses fatores contribuíram para que a produção física brasileira de embalagens crescesse 1,96% em 2017.

Por que você quer mudar a embalagem oferecida ao cliente?

Essa deve ser a principal pergunta a ser respondida pelos empreendedores do setor. Como os dados acima mostram, houve um aumento na produção das embalagens, mas isso reflete necessariamente a necessidade do consumidor? A Everest, fabricante de máquinas seladoras, orienta que as empresas busquem conhecer melhor o cliente para então buscar aperfeiçoar o tipo de embalagem comercializada. Para a empresa, é indispensável entender aquilo que será realmente útil, só assim o cliente irá diferenciar os produtos e se tornar adepto de sua marca. Confira a seguir 3 dicas da Everest para te ajudar a mudar a embalagem do seu produto.

 

  • Preocupação com meio ambiente
    Da mesma forma que as pessoas querem praticidade, elas também estão mais atentas a questões como a natureza. Por isso, trazer algo reutilizável, retornável ou que possa ser reciclado é uma boa dica!

 

  • Unitização dos itens
    Embalagens que agrupam vários itens e são fáceis de se transportar também devem ganhar destaque nessa lista das melhores práticas para as empresas.

 

  • Tipo de material
    É indispensável analisar qual o tipo de material que será utilizado para mudar a embalagem. Até porque, é ele quem vai determinar questões como a durabilidade do alimento. Por isso, observe aquele que pode ser mais interessante de acordo com o produto que você trabalha!

 

 

Dicas de como atrair o consumidor pela embalagem durante o verão

Dicas de como atrair o consumidor pela embalagem durante o verão

Que a embalagem escolhida para comercializar os produtos vendidos é extremamente importante no processo de compra, a Everest já tratou várias vezes aqui no blog. Mas o post de hoje é destinado a você que está em busca de uma nova estratégia para vender mais durante o verão. Se o seu ramo é de bebidas que são muito bem-vindas geladas, melhor ainda, pois esse é o momento de aproveitar as altas temperaturas e buscar atrair o consumidor pela embalagem, já que a concorrência é forte, sendo muitas as opções para quem está prestes a comprar!

Qual produto é mais consumido no verão?

Para se ter uma ideia, o verão é a estação do ano em que a venda de bebidas refrescantes é comprovadamente maior, aumentando também o movimento dos supermercados. O refrigerante é um dos produtos mais procurados nessa época, cujo consumo foi de mais de 21,5 milhões de litros em 2017, apenas no Brasil, segundo dados da Euromonitor International. A projeção para 2023 é que esse número aumente para 23,3 milhões de litros.

Como a preocupação com a saúde é um fator que as pessoas também têm levado em consideração, caso a sua empresa tenha algo que possa contribuir nesse cenário, é importante destacar, como a quantidade de açúcar ou gordura, por exemplo. Os que trabalham com água de coco, chás líquidos e polpa de sucos naturais já estão um passo à frente, pois há uma projeção de aumento do consumo desses itens. De acordo com dados da Kantar Worldpanel, a previsão de crescimento para este ano é de 20%, 18% e 12%, respectivamente.

Porém, essa não deve ser uma informação que deixe de lado a preocupação em atrair o consumidor pela embalagem, muito pelo contrário, ela apenas mostra que os clientes ao olhar para a gôndola estão mais propensos a procurar diretamente por esse tipo de produto. Até porque de nada adianta ter um produto atrativo que não chame atenção. Já quem não está nessa lista precisa se desdobrar ainda mais para se destacar.

Agora que você já entendeu a importância de atrair o consumidor pela embalagem, seguem alguns tópicos básicos para pensar em algo atrativo, especialmente nessa época do ano:

  • Destaque na embalagem informações que possam ser do interesse do seu público-alvo.
  • Pense em um formato fácil de transportar e prático para abrir.
  • Mude temporariamente a cor da embalagem. Explore aquelas que possam remeter ao que é refrescante, como o azul.

Para produtos vendidos em várias unidades, utilize o processo de selagem do material, garantindo comodidade e ajudando a atrair o consumidor pela embalagem.

Veja o que muda na embalagem de produto exportado para Arábia Saudita

Veja o que muda na embalagem de produto exportado para Arábia Saudita

Inúmeros fatores naturais como o aquecimento global, as queimadas, as mudanças drásticas do clima, entre outros, tem feito com que pessoas e órgãos estatais adotem medidas preventivas, todas embasadas em uma consciência ambiental. Assim, preocupada em garantir melhor qualidade de vida, reduzindo os índices de poluição, a SASO (Saudi Standards, Metrology and Quality Organization), entidade normalizadora da Arábia Saudita, determinou que a partir de 1º de setembro de 2019 todos os filmes stretch, shrink e plástico bolha e também outros tipos de filmes plásticos utilizados na embalagem de produto exportado para o país sejam, obrigatoriamente, oxibiodegradáveis. Não só no Brasil, como também no mundo todo, essa é uma preocupação emergente e à qual empresas que realizam exportação precisam estar atentas.

A oxidegradação é o processo pelo qual os materiais se degradam devido a um aditivo inserido em seu processo de composição. O efeito é de oxidação e fragmentação, diferente da biodegradação, em que a ação de microrganismos faz com que os materiais se transformem em CO2, água e húmus. A Everest, fabricante de máquinas seladoras, alerta que as empresas fiquem atentas antes de começar a embalar os produtos para que não venham a ter prejuízos consideráveis com sua recusa na Arábia Saudita. “É fundamental que as empresas dos mais diferentes segmentos realizem uma avaliação de seus fornecedores com o intuito de adequar o plástico ao que pede a legislação do país de destino. Assim, o produto exportado para Arábia Saudita será embalado da maneira correta sem que imprevistos impliquem na perda de importantes parcerias”, reforça.

Mesmo que o plástico atenda a todas as especificações delimitadas pela SASO, também é importante que as empresas se atentem às normas internas sobre a embalagem de produto exportado. Da mesma maneira que o país de destino possui suas determinações, o Brasil, por meio de normas como a ABNT, também define os parâmetros a serem seguidos e que são de fundamental importância para a segurança e integridade do produto a ser transportado.

O Brasil e a Liga Árabe, que compreende 22 países da região do Oriente Médio e Norte da África, possuem uma boa relação de comércio exterior. A posição geográfica em que os países da Liga estão tem capacidade reduzida de produção de alimentos em quantidade suficiente para atender a toda a sua população, devido às condições de solo e clima. Isso faz com que sejam dependentes da importação de alimentos. De acordo com o site Suinocultura Industrial, só em 2017 a corrente de comércio do Brasil com os países da região foi da ordem de 20 bilhões de dólares. O Brasil faturou mais de US$ 13,5 bilhões com produto exportado aos países Árabes, enquanto gastou 6,5 bilhões de dólares na importação de produtos da região.

A previsão da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira (CCAB) para 2019 é que a renda das famílias dos países árabes aumente, impulsionando, portanto, o consumo de carnes de frango e bovina, bem como de outro produto exportado pelo Brasil. Porém, a administração do Ministério das Relações Exteriores, bem como as medidas tomadas pelo governo dos respectivos países pode afetar as transações.

Para vender mais, empresas devem dispensar atenção à embalagem

Para vender mais, empresas devem dispensar atenção à embalagem

O que faz um consumidor optar por um produto em detrimento de outro? Essa pergunta pode ser respondida de diferentes maneiras, pois vários são os fatores que influenciam a decisão do cliente em frente à gôndola do supermercado. Sobretudo, a embalagem é um dos fatores que possui maior relevância, dada a sua importância desde o processo de fabricação. Para quem está prestes a adquirir um produto, questões como as condições de armazenamento, a facilidade de transporte e também de consumo são levadas em consideração. Assim sendo, a embalagem se torna fundamental para o sucesso de um produto, que está diretamente ligado ao principal objetivo de uma empresa: vender mais. Por isso, a atenção dispensada na embalagem não deve ser ignorada ou deixada em segundo plano.

Dada tamanha importância, o assunto chegou a ser tema de um estudo da Nielsen, que comprovou a grande influência que a embalagem exerce sobre a escolha do consumidor. São questões como o modelo, o tipo de material e até mesmo a maneira como ele acomoda os produtos que permite uma seleção, diante de tantas opções encontradas hoje em dia. A força da marca e a qualidade do produto também são fundamentais, mas para ajudar a vender mais, elaborar uma estratégia para a confecção de embalagens adequadas e que atendam ou superem as expectativas, certamente terá uma grande contribuição.

Segundo a Everest, fabricante de máquinas seladoras, os alimentos à vácuo, por exemplo, têm grande aceitação pelos consumidores, por apresentarem funcionalidades como a conservação dos alimentos frescos por um tempo maior. “Além de se tratar de um grande atrativo para vender mais, as lojas também saem ganhando, uma vez que podem dispor os produtos de maneira mais organizada, sem contar na garantia de qualidade”, afirma. Importante especialmente para aqueles que buscam praticidade, muitas embalagens hoje são capazes de facilitar consideravelmente o transporte dos produtos, bem como armazená-los de maneira mais conveniente para o consumo.

Embora a questão estética seja importante, não é só esse fator que deve ser levado em consideração. Para vender mais, é preciso que a empresa demonstre sua preocupação com o produto por meio da embalagem. O interessante é que ela chame a atenção por respeitar a legislação que rege a maneira como elas devem ser feitas, o meio ambiente e principalmente as características do que está sendo comercializado. A qualidade do item e também a responsabilidade do processo de fabricação precisam transparecer, pois isso poderá ser decisivo na hora da compra.

Da mesma maneira que uma boa embalagem é imprescindível para vender mais, ela também pode estar ligada ao fracasso das vendas. Principalmente quando se trata de um produto novo no mercado, sem uma embalagem chamativa, dificilmente ele terá saída. Por outro lado, uma estratégia bem elaborada irá despertar o desejo de compra. Evidenciar os valores da marca, deixando claro qual é o produto e que ele está devidamente conservado são características importantes que a embalagem precisa ter. Outros pontos importantes são: valorizar o que o item tem de melhor e seguir a legislação que rege a respeito.

Esteiras transportadoras são importantes ferramentas nas indústrias

Esteiras transportadoras são importantes ferramentas nas indústrias

Você sabe qual é a real importância das esteiras transportadoras nas indústrias? Responsáveis por permitir que os itens produzidos passem por todos os setores da empresa, elas viabilizam que os produtos recebam os devidos tratamentos até sua embalagem final para distribuição comercial. Criada a partir de recursos tecnológicos, ela possui enorme importância no que se refere à agilidade dos processos e, consequentemente, no aumento da produtividade.

Peça fundamental no transporte dos produtos pela empresa, as esteiras transportadoras são utilizadas nos mais diferentes setores, como alimentício, de construção civil e até mesmo automobilístico. O fato de serem motorizadas favorece que todos os tipos de materiais sejam carregados, mesmo os consideravelmente grandes em volume e peso. Elas ainda podem ser fabricadas em armalon ou borracha, o que permite à empresa escolher o tipo que mais lhe convém. Essa escolha, por sua vez, deve levar em consideração o tipo de produto fabricado, de modo a garantir ainda mais agilidade.

Além de possuírem uma enorme contribuição na produção, as esteiras transportadoras também são úteis para processos logísticos. Depois de finalizado o produto, nada melhor do que facilitar seu armazenamento até que a devida distribuição seja realizada. Minimizar o custo com mão de obra, garantir a segurança no transporte e aumentar a produtividade também são pontos importantes de se destacar sobre sua funcionalidade. Se as empresas fizessem da função das esteiras uma responsabilidade dos colaboradores, além do tempo para conclusão do serviço ser muito longo, certamente muitos empregados seriam necessários. Ao automatizar esse processo com esteiras transportadoras, é possível recolocar os profissionais em setores que precisam de maior atenção, tornando o transporte da mercadoria muito mais simples e prático.

A Everest é uma empresa que possui em sua linha de produtos a esteira transportadora. Entre as vantagens do produto oferecido, destaca-se o variador de velocidade controlado por potenciômetro e sua estrutura em aço com pintura eletrostática. Além disso, ela é fabricada sob medida, de acordo com as exigências de tamanho e necessidade pré-definidos com o cliente. Para otimizar os serviços prestados, fomentando o contínuo crescimento da indústria, entre em contato com a Everest e confira as condições.

Versátil, embalagem de plástico é fundamental no setor alimentício

Versátil, embalagem de plástico é fundamental no setor alimentício

A embalagem de plástico possui um papel extremamente importante no acondicionamento dos produtos nas gôndolas dos supermercados. Na verdade, desde o momento em que qualquer que seja o item é finalizado na linha de produção das indústrias, é necessário que ele seja colocado em uma embalagem adequada. Só assim é possível garantir a integridade dele até chegar ao consumidor final. Nesse processo, o plástico é um grande aliado. Além de resistente, transparente e versátil, ele ainda é reciclável e pode ser posteriormente reaproveitado, contribuindo para uma cadeia ecológica.

Proteger os alimentos contra riscos de contaminação, prolongar a vida útil e combater desperdícios são alguns dos benefícios da embalagem de plástico. Devido à resistência, permeabilidade, estabilidade, flexibilidade e leveza, muitas empresas veem o plástico como alternativa para favorecer que os produtos durem por mais tempo. Outra utilidade do material é permitir que várias unidades de um mesmo produto possam ser concentradas em uma única embalagem, como ocorre com os fardos de refrigerante. Sem contar na embalagem primária, que no caso seria a garrafa pet, também fabricada com o mesmo material.

Diante da versatilidade apresentada, o plástico está presente nos mais diferentes processos, seja na embalagem primária, como na secundária e até na terciária. A embalagem de plástico a vácuo também costuma ser muito utilizada e trazer inúmeros benefícios. Além da praticidade de acomodação dos itens nas prateleiras, ela é capaz de conservar o sabor e as características do alimento, para que o consumidor adquira um produto fresco e de qualidade. Para o cliente, também é bastante prático, pois muitos dos itens são mantidos na própria embalagem, mesmo após abertos para consumo, gerando menos transtornos dentro de casa.

O uso da tecnologia também favorece que a embalagem de plástico se modernize a cada dia. Os equipamentos próprios para isso, a partir dos avanços, conseguem produzir ainda mais, o que implica em um importante avanço para a indústria alimentícia. Segundo a Everest, empresa do segmento de máquinas seladoras, uma das grandes vantagens do investimento em equipamentos de qualidade é a alta produtividade que elas proporcionam, garantindo a segurança alimentar, sem contar na praticidade. “Atualmente, os supermercados têm buscado fornecedores que possam suprir as necessidades dos consumidores, que a cada dia exigem alimentos práticos de serem comprados e preparados. Estar atento a essa demanda e atender às reais necessidades do consumidor final, certamente irá tornar a empresa destaque entre as demais”, orienta.

A praticidade no transporte e a facilidade de abrir e manusear também está na lista das preferências dos clientes, já que a embalagem de plástico faz com que a peça fique mais leve. Por outro lado, ela é conveniente para os supermercados, pois favorece que os espaços fiquem mais organizados e que mais produtos sejam acomodados na mesma prateleira. A resistência a impactos também é um fator importante quando se diz respeito a esse tipo de material, bem como a possibilidade de reutilização ou de envio para a reciclagem. Isso significa que além de todos os benefícios que o plástico apresenta, ele ainda pode contribuir para um mundo mais sustentável, o que é fundamental hoje em dia.

A relevância das embalagens plásticas transparentes para o cliente

A relevância das embalagens plásticas transparentes para o cliente

As embalagens plásticas transparentes possuem inúmeras vantagens para o consumidor. Além de ser possível verificar o produto e seu estado de conservação, elas garantem maior durabilidade, conservando as propriedades e o sabor do alimento. De acordo com uma pesquisa realizada pela Molliken, empresa global de especialidades químicas, consumidores dos Estados Unidos estão dispostos a pagar até US$ 0,15 a mais por alimentos frescos em embalagens plásticas transparentes que possam ser levadas ao micro-ondas. O estudo, intitulado “Clarity and Microwaveability Drive Demand with Both Buyers and Sellers”, explora a preferência de embalagens para entender melhor o apelo de sua solução de polipropileno NX UltraClear.

Como o que acontece lá fora geralmente vira tendência no Brasil, a relevância das embalagens plásticas transparentes para o cliente no exterior se torna importante aos empresários do setor. Isso porque, é possível utilizar esses dados como inspiração para propor novas soluções no mercado. Realizado com mais de 100 consumidores dos Estados Unidos, o estudo demonstra ainda que esse método aumenta a percepção positiva dos varejistas, uma vez que produtos bem apresentados significam respeito ao cliente. Quando há a possibilidade de levar ao micro-ondas, a conveniência agregada desperta um interesse ainda maior. Com um dia a dia agitado, nada melhor do que consumir um produto prático, de preparo rápido e saboroso, e por isso essa tem sido a maior demanda nos estabelecimentos.

Buscar satisfazer as necessidades do consumidor deve ser uma premissa das empresas do varejo alimentício. Como a demanda por alimentos prontos tem crescido, aumentar a disponibilidade de porções montadas com embalagens plásticas transparentes traz segurança e qualidade. Em números, a pesquisa destaca que 65% dos entrevistados mostram preferência por embalagens transparentes e que 8 em cada 10 preferem as que também podem ser levadas ao micro-ondas, sendo este o motivo de compra de cerca de 2/3.

A Everest, empresa de máquinas seladoras, está sempre preocupada em oferecer aos seus clientes os melhores equipamentos do mercado. Com o intuito de permitir que os alimentos sejam envoltos em embalagens plásticas transparentes, as máquinas da empresa são seguras e confiáveis. Acesse o site, consulte os produtos disponíveis e solicite um orçamento.

Recuo da produção industrial alerta para necessidade de investimento

Recuo da produção industrial alerta para necessidade de investimento

Um recente levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontou para mais um recuo da produção industrial. No mês de setembro, ela caiu em 7 dos 15 locais pesquisados, na comparação com agosto, sendo os estados de Amazonas, São Paulo, Bahia e Paraná os que registraram quedas mais intensas. Por outro lado, o Ceará e o Pará foram os que apresentaram os maiores avanços no mês. Esse cenário, fortemente influenciado pelas mudanças que estão por vir diante do rumo político do país, ao mesmo tempo em que preocupa, deve ser uma oportunidade de fazer com que os empresários passem a analisar com cautela as próximas tomadas de decisão e a realizar investimentos assertivos para acelerar as produções.

Ainda de acordo com os dados coletados pelo IBGE com relação ao recuo da produção industrial, tirando a média do país, a queda foi de 1,8% em setembro, frente ao mês anterior. Uma das questões mais preocupantes é o fato de ser a terceira queda seguida e o pior resultado para o mês de setembro desde 2015. Por isso, é importante que os gestores comecem a planejar estratégias a serem colocadas em prática o quanto antes. Investir em maquinário apropriado é uma das maneiras de tornar o trabalho mais rentável e próspero para os próximos meses. Para se ter uma noção de que isso certamente poderá contribuir, basta avaliar o acumulado no ano e em 12 meses, pois a produção registrou alta de 1,9% e de 2,7%, respectivamente.

As grandes mudanças na política e na economia aos quais o país irá passar a partir do próximo ano possui grande influência nesse cenário de recuo da produção industrial, pois isso traz incertezas aos produtores e consumidores. Diante disso, é natural que exista uma retração no momento de decidir os rumos do negócio, o que faz deste momento uma boa oportunidade de investir. Segundo a Everest, empresa do segmento de máquinas seladoras, aprimorar os serviços e tornar a produção dos itens mais prática reflete na maneira como o produto é entregue ao consumidor final. “Melhorar a qualidade do que é fabricado, certamente aumenta as chances de aquecer a economia, já que os consumidores estarão cada vez mais satisfeitos”, afirma.

O principal recuo da produção industrial se deu novamente em São Paulo, visto que isso já ocorreu em agosto. A queda foi de 3,9% da produção em setembro, exercendo o maior impacto na queda de 1,8% da produção nacional, segundo destacou o IBGE. Embora se trate de apenas um alerta, esses dados devem ser analisados com atenção, já que a indústria no Brasil é responsável pela fabricação de inúmeros bens de consumo, necessários para brasileiros e estrangeiros.

Com fábricas distribuídas por todo o território e com a implantação de sistemas cada dia mais tecnológicos, a produção industrial nos mais diferentes segmentos, seja ele automobilístico, petroquímico, alimentar, soja, xtil, de vestuário, metalúrgica, mecânica, entre outros, não pode parar. Além do lucro, é importante também pensar em investimentos que também contribuam para outras questões como o meio ambiente e o bem-estar dos colaboradores.

Veja por que o consumidor busca por conveniência na hora da compra

Veja por que o consumidor busca por conveniência na hora da compra

Um estudo da Nielsen, empresa especialista em pesquisas para avaliar hábitos e tendências dos consumidores ao redor do mundo, aponta que existem seis fatores-chave que explicam por que o cliente busca por conveniência na hora da compra. A rápida urbanização, o transporte lotado, a evolução dos papéis de gênero, as necessidades geracionais e a captação de tecnologia são eles. Diante das facilidades para a realização de tudo o que rodeia o consumidor, a busca por praticidade tem sido cada dia maior. Eles já não se satisfazem mais com aquilo que o força a realizar muitos procedimentos ou que ocupe muito seu tempo. Aliado a isso, ele ainda quer um bom preço e o comprometimento das empresas em oferecer soluções que estejam dentro do que procuram.

O estilo de vida agitado, em decorrência do crescimento dos centros urbanos, é uma das principais justificativas pela busca por conveniência na hora da compra. Por passarem longos períodos no trânsito, as pessoas estão mais cansadas e sobrecarregados de informação. De acordo com a pesquisa, 27% dos consumidores gostariam que houvesse mais produtos que os ajudasse a tornar a vida mais simples e 26% buscam por aqueles fáceis de usar.

A rapidez com que as transformações ocorrem hoje em dia na vida das pessoas não permite que o mercado deixe essa preocupação com a praticidade de lado. Além de conhecer bem o consumidor, é muito importante acompanhar as tendências e a evolução dos processos que o auxiliem em sua busca por conveniência na hora da compra, seja ela online ou offline. É importante que o empresário tenha a visão de adaptar as embalagens, prateleiras e formas de pagamento de modo que torne tudo mais prático.

A busca por conveniência na hora da compra por parte do consumidor moderno, pode ser solucionada pelas empresas se aliadas questões como facilidade, utilidade e simplicidade, inclusive no que se refere à embalagem. A Everest é uma empresa do ramo de máquinas seladoras e possui como um de seus princípios o padrão de qualidade e funcionalidade de todos os seus equipamentos. Ofereça mercadorias prática aos seus clientes, confira nossas condições.

Diante da crise, investimento na indústria pode mudar estatísticas

Diante da crise, investimento na indústria pode mudar estatísticas

Todo empresário sabe que é preciso estar atento ao mercado, ao desenvolvimento da economia, bem como às expectativas para os próximos meses no setor em que atua, de modo a planejar adequadamente o rumo dos negócios. Para auxiliar nesse cenário, existem estudos que têm por objetivo dar subsídio para a tomada de decisão, como a Sondagem da Indústria de Transformação, realizada pelo Instituto Brasileiro de Economia (IBRE) da Fundação Getúlio Vargas (FGV). A prévia da Sondagem da Indústria de setembro de 2018 sinaliza queda de 2,9 pontos do Índice de Confiança da Indústria (ICI) em relação ao número final de agosto, para 96,8 pontos, o menor desde outubro de 2017. Isso sinaliza a necessidade urgente de investimento na indústria, pois só é possível alcançar bons resultados quando se aperfeiçoa a prestação do serviço, oferecendo novas possibilidades ao consumidor.

Segundo a Confederação Nacional da Indústria (CNI), o segmento representa 21% do PIB do Brasil, mas responde por 51% das exportações, por 68% da pesquisa e desenvolvimento do setor privado e por 32% dos tributos federais (exceto receitas previdenciárias). Isso significa que para cada R$ 1,00 produzido na indústria, são gerados R$ 2,32 na economia como um todo. Dada tamanha importância, é necessário aumentar a produtividade, de modo a contribuir cada vez mais para a economia do país. Isso, por sua vez, exige investimento na indústria, em todos os setores das empresas, desde maquinário e profissionais até a estrutura.

Além de pesquisas que apontam o cenário econômico, também é interessante estar atento às tecnologias que são um grande investimento na indústria. Constantemente, empresas lançam novos equipamentos com diferentes novidades para otimizar a fabricação dos mais variados produtos. Muitos deles são capazes de proporcionar o aumento da produtividade, reduzir custos e modernizar a maneira de trabalhar. Essa atualização também permite que manutenções e trocas de itens, quando necessário, sejam realizadas de forma mais prática e rápida. Assim, achar peças de reposição de máquinas antigas não é mais uma necessidade, sem contar que não se corre o risco de paralisar os serviços.

De acordo com a Everest, empresa de máquinas seladoras, há uma série de questões importantes para serem levadas em consideração ao realizar o planejamento de investimento na indústria. Pontos como a satisfação do empregado e as possibilidades que o maquinário adquirido pode oferecer são fundamentais no momento da compra. “É interessante que o empresário tenha a visão de proporcionar o aumento da produtividade, sempre respeitando as devidas condições de trabalho nas linhas de produção”, afirma. Optar por equipamentos de qualidade permite múltiplas alternativas que, se implantadas adequadamente, farão diferença nas próximas sondagens do setor.

O cenário econômico do país e o perfil do consumidor, que é modificado por uma série de circunstâncias o tempo todo, certamente influencia na produtividade. Mesmo que com alta capacidade de produção, é a demanda que dita o sucesso ou o fracasso da empresa, mas é justamente nesse momento de crise que o investimento na indústria é importante, visto que melhorar os serviços ajuda no movimento da economia. Essa tomada de decisão assertivas por parte de muitos empresários faz com que as estatísticas melhorem consideravelmente.

Conheça as vantagens e funcionalidades da encarteladora skin

Conheça as vantagens e funcionalidades da encarteladora skin

A embalagem dos produtos é imprescindível para garantir que ele chegue ao cliente de maneira íntegra. Em especial, quando se trata de itens pequenos como parafusos, pregos, pilhas e até mesmo determinados produtos escolares como cola e tesoura, costumam ser encartelados para que fiquem devidamente expostos. Para tal finalidade, é que existe no mercado a máquina encarteladora skin, que possui grande contribuição para empresas fabricantes de produtos que exijam esse tipo de embalagem.  

Com uma cartela perfurada e envernizada para envolver os produtos, a encarteladora skin se caracteriza por um processo de encarte muito simples, em que o PVC é aquecido e por meio da sucção do ar ele se molda à peça e à cartela. O principal objetivo é dar um perfeito acabamento, de modo que o produto fique totalmente preso na cartela e pronto para ser colocado em displays para demonstração ou venda.

A Everest é especializada em máquinas seladoras e entre as opções de sua linha de produtos está a encarteladora skin. Entre as vantagens do produto comercializado pela empresa, está a possibilidade de controle de tempo de aquecimento e também do tempo de sucção. Com relação às características, sua área útil é de 370x550mm, a estrutura é feita em aço e com pintura eletrostática. A tensão é 220V e a potência é de 3200W, totalizando 100kg nas dimensões: 700x1500x650mm. Há ainda um modelo opcional com acionamento manual (com alavanca) ou pneumático (por meio de botoeira, mas que exige um compressor de ar), também disponível no tamanho 500x700mm.

A praticidade oferecida pela encarteladora skin é umas das vantagens que mais atrai empresários a implantá-la em seu negócio. O interessante é que a máquina é capaz de moldar a embalagem de acordo com o produto, não sendo necessário inserir moldes, pois a plastificação é feita diretamente na cartela de papelão. Esta, pode ser impressa com o logotipo ou nome da empresa, o que ajuda a fortalecer a imagem perante o consumidor, além de ter um custo-benefício muito vantajoso. Não deixe de consultar o site da Everest e solicitar um orçamento para tornar o seu trabalho mais preciso e produtivo com uma encarteladora skin. Aguardamos o seu contato!

EVEREST_FABRICA-DE-TEMPEROS

Quer montar um negócio próprio? Fábrica de temperos pode ser uma opção

Diante da instabilidade econômica e das incertezas para os empregados, muitos profissionais têm buscado abrir o próprio negócio. Porém, empreender também exige o cumprimento de uma série de requisitos importantes. A escolha do segmento não é algo fácil, pois é preciso fazer uma análise do mercado, mão de obra, insumos e maquinários necessários, sem contar na projeção de lucro. Uma ideia interessante é apostar em áreas pouco visadas, já que, consequentemente, existem menos investimentos e maior possibilidade de venda e nesse sentido, uma fábrica de temperos pode ser uma oportunidade. Trabalhar com diferentes aromas, sabores e cores para transformar a maneira de cozinhar, dentro e fora de casa.

Nesse mercado, é possível não só explorar os temperos já existentes, como buscar alternativas diferenciadas. Mas, para que tudo isso seja possível, é necessário fazer uma análise de mercado e de como será o ingresso de uma nova empresa no segmento. No que se refere à fábrica de temperos, existem empresas de todos os portes realizando o serviço, desde pequenas até as grandes. A produção dos itens não é cara e isso faz com que as barreiras para dar início às atividades não sejam tão grandes. Essas facilidades apontam para uma grande oportunidade, mas para a permanência no mercado é preciso estar atento à real demanda.

A localização da fábrica de temperos também deve ser estratégica. Não basta que o espaço comporte todos os equipamentos, insumos e funcionários, é preciso que o investimento necessário esteja dentro do orçamento. Além disso, outra questão a se levar em consideração é a proximidade com clientes e fornecedores. O acesso à empresa deve ser fácil para que da mesma forma que a distribuição seja prática, o recebimento de matéria-prima também.

Depois de definido o local, o próximo passo é pensar na estrutura. É preciso dividir os espaços em seções para recepção da matéria-prima, fabricação, montagem, expedição e vendas, além do escritório administrativo. Também é importante pensar em comportar todos os funcionários e o maquinário necessário. A fabricação de temperos é simples e não exige grandes esforços, desde que realizada adequadamente. As etapas de produção consistem em redução da matéria-prima em pó para então ser embalada. A conservação é feita em estufas com baixa temperatura, para que sejam preservadas as propriedades do produto.

O grande diferencial de um novo negócio nesse setor é a qualidade e a fabricação de opções diversificadas, porém, um fator que pode afetar negativamente é o fornecimento de matéria-prima que pode oscilar de acordo com as mudanças climáticas. Os equipamentos são parte fundamental para o bom funcionamento da fábrica de temperos, entre eles estão os moinhos, as balanças de precisão, utensílios diversos, rotuladoras e seladoras automáticas. A Everest, fabricante de máquinas seladoras, reforça que uma embalagem adequada é capaz de aumentar a validade do produto, além de facilitar o manuseio por parte do consumidor. “As máquinas seladoras são equipamentos preparados para contribuir nas linhas de produção de diversos produtos, como os temperos, e possui alta performance e bons resultados”, finaliza.

A devida regulamentação de uma fábrica de temperos é fundamental para que nenhum órgão impeça o funcionamento. As normas são as expedidas pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e as ações implementadas precisam estar de acordo com a legislação que rege a indústria de alimentos. No momento do planejamento da abertura de uma empresa é importante entender um pouco dos recursos que serão necessários para que seja possível mensurar o investimento. Uma orientação para que tudo esteja em conformidade é buscar mentorias em órgãos especializados com o Sebrae.

EVEREST_EMBALAGEM-DE-PAPEL-GRAU-CIRURGICO

Veja a função da embalagem de papel grau cirúrgico na esterilização

A embalagem é importante em todos os segmentos, seja para auxiliar no transporte, manter as propriedades, conservar a qualidade ou mesmo evitar que os produtos fiquem expostos a possíveis contaminantes. Para tanto, cada área utiliza um tipo diferente, pois as exigências variam de acordo com o que precisa ser armazenado. Na área da saúde, esse cuidado deve ser redobrado, já que um componente infectado pode agravar os problemas do paciente ou mesmo ocasionar novos. Por isso, a embalagem de papel grau cirúrgico possui grande importância na esterilização. Ela é selada a partir de uma máquina específica que precisa atender às devidas regulamentações. Assim, os componentes são mantidos seguros e livre de impurezas até o momento da utilização.

A embalagem de papel grau cirúrgico nada mais é do que um papel com porosidade e resistência definidas pela NBR 14990-2:2010, que dispõe sobre sistemas e materiais de embalagem para esterilização de produtos para saúde. Isso significa que para que um componente seja utilizado nos procedimentos com os pacientes é necessário que ele esteja esterilizado e acondicionado nas devidas embalagens. Ela é fundamental para protegê-los, garantindo não só a segurança dos procedimentos, como também a saúde do paciente.  

Utilizar embalagens que não estejam em consonância com o estipulado pelos órgãos competentes implica em uma série de problemas. Um deles é comprometer a saúde das pessoas que precisam se submeter a intervenções cirúrgicas, a serem realizadas por profissionais capacitados. Além de proteger, a embalagem de papel grau cirúrgico tem como finalidade ajudar na identificação do produto. Ela também funciona como barreira microbiana, evitando qualquer tipo de contaminação. A abertura deve ser simples, não pode interferir na esterilização e precisa ser resistente à violação, flexível e impermeável.

A Everest dispõe de máquinas seladoras com alta tecnologia para atender clínicas, hospitais e demais segmentos que utilizam embalagem de papel grau cirúrgico. Robustas e ágeis, elas são capazes de selar embalagens com um acabamento perfeito. Preocupada em atender os padrões internacionais e às normas de segurança, a empresa dispõe de variados modelos para que seja feita a escolha daquele que melhor atenda a sua necessidade. Visite nosso site e confira as opções disponíveis, aproveite e solicite um orçamento!

EVEREST-EMBALAGEM À VÁCUO

Máquina de embalagem à vácuo é grande aliada do setor alimentício

Para os empresários do ramo alimentício, umas das grandes preocupações é a validade dos produtos. Como são perecíveis, é necessário buscar alternativas para que eles possam ser consumidos no maior tempo possível, sem que causem danos à saúde dos consumidores. Isso é importante, pois o alimento demora para chegar às prateleiras dos supermercados, devido ao longo trajeto que geralmente precisa percorrer. Depois, ainda tem o tempo entre a compra e o consumo. Tudo isso faz com que estratégias de conservação sejam adotadas, de modo a realizar o abastecimento necessário, tanto nas casas, como nos restaurantes. A implantação de novas tecnologias dentro da produção das fábricas tem contribuído muito nesse processo e uma delas é a máquina de embalagem à vácuo.

Além da praticidade, a embalagem à vácuo proporciona a otimização do espaço nas prateleiras dos estabelecimentos e o aumento da validade. O motivo do prolongamento do prazo em que o produto pode ser consumido é a falta de oxigênio dentro da embalagem, já que o processo consiste em retirar todo o ar do saquinho. O procedimento também é fundamental para garantir ao consumidor qualidade e procedência. Como a embalagem é realizada dentro da empresa fornecedora, o cliente tem a certeza de que o alimento teve o mínimo contato com possíveis contaminantes no decorrer do trajeto.

A Everest, fabricante de máquinas seladoras seladoras, afirma que a embalagem à vácuo pode ser também utilizada por empreendedores que acabaram de abrir um novo negócio no ramo. Nada mais é do que uma alternativa para conquistar um espaço no mercado. “As máquinas seladoras embalam qualquer tipo de produto, desde carnes até frutas e queijos. Assim, o investimento no equipamento permite flexibilidade de utilização e pode ser bastante vantajoso” explica.

Padarias, rotisserias e açougues são os nichos que fazem melhor proveito da embalagem à vácuo e, consequentemente, usufruem dos diversos benefícios que ela apresenta. A ação dos microrganismos e o contato com oxigênio são os fatores determinantes para a deterioração de alimentos perecíveis. Essas ações são minimizadas quando eles são submetidos ao vácuo. Outra vantagem, é a conservação dos nutrientes, como vitaminas, minerais e as substâncias antioxidantes. Sem contar que após o preparo a cor e a textura são mantidas, proporcionando uma apresentação mais bonita. Inclusive, esse é um dos motivos fundamentais para optar por esse tipo de embalagem. Quanto mais benefício ela apresentar, melhor a avaliação no mercado, não só entre empresas, como também entre os consumidores.

A necessidade de preservação dos alimentos não é recente. Várias foram as técnicas para conservação adotadas no decorrer do tempo, como a desidratação e o resfriamento. Esses métodos possuem tanta relevância que são utilizados até hoje. Porém, apenas com a ascensão da embalagem à vácuo que os resultados foram aprimorados. Além dessa estratégia, outro recurso que pode ser utilizado para agregar valor ao produto embalado à vácuo é oferecer a opção sem casca. Muito comum, ela traz facilidade na preparação, seja em casa ou em restaurantes.

EVEREST_RECICLAGEM

Conhecimento sobre reciclagem é fundamental para mudar os hábitos

Embora o meio ambiente seja uma das maiores preocupações do momento, muitas pessoas ainda não se conscientizaram sobre a importância de voltar a atenção para isso. Consequentemente, deixam de separar o lixo doméstico e não entendem o processo de coleta seletiva e reciclagem. Sem isso, muito lixo que poderia ser reciclado, gerando menos impactos no ambiente, acaba ficando por muitos anos na natureza até se decompor. Buscar conhecimento e passar a adotar medidas simples pode transformar o cenário ecológico do país.

Qual a relação do brasileiro com o lixo? Com o objetivo de responder a essa pergunta a cervejaria Ambev encomendou uma pesquisa ao Ibope que apontou várias questões acerca do tema. Das 1.816 pessoas entrevistadas por telefone em todos os Estados e também no Distrito Federal, apenas 35% disseram saber como conseguir informações de coleta seletiva em sua cidade. Esse foi um dos argumentos utilizados como justificativa para não realizar os devidos procedimentos. Por outro lado, um dado que projetou um futuro promissor foi o de que 97% das pessoas consideram a reciclagem importante e 88% disseram se preocupar com o meio ambiente. Isso aponta para uma conscientização da população, que impacta na diminuição do lixo descartado inadequadamente.

Sobretudo, é interessante que se busque informações a respeito da reciclagem, a fim de tornar o mundo mais sustentável. Isso é fundamental para a preservação do meio ambiente e para a garantia de recursos para as próximas gerações. A Everest Seladoras atua no segmento de máquinas para embalagens e orienta os consumidores a realizar a coleta seletiva. Como muitos dos produtos comprados são selados com plástico, realizar o descarte correto é importante, pois ele poderá ser reaproveitado, gerando menos impactos negativos à natureza.

Além do plástico propriamente dito, outros itens confeccionados com o material fazem parte da reciclagem, como as garrafas pet. Também entra na coleta seletiva o papel, o alumínio e as embalagens longa vida, já que são compostas por plástico, papel e alumínio. A reutilização dos materiais também deve fazer parte desses procedimentos. Um exemplo claro, mas que muitas pessoas não dão a devida importância são as embalagens retornáveis. Na hora da compra, optar por produtos que possam ser reciclados ou reutilizados é o começo para um mundo mais sustentável.

EVEREST_BLOG_MAIO_DA FÁBRICA À MESA CONHEÇA OS BENEFÍCIOS DA EMBALAGEM À VÁCUO

Da fábrica à mesa: conheça os benefícios da embalagem à vácuo

Certamente você já adquiriu um produto no supermercado com embalagem à vácuo. Mas você sabe quais são suas vantagens? Além de estender de três à cinco vezes a vida útil do alimento, ela garante as qualidades e características do produto, conservando todas as propriedades, sem contar a possibilidade de selar quantidades maiores. As responsáveis por realizar esse trabalho, são as máquinas seladoras, que retiram todo o ar do alimento, e o deixam prontos para comercialização, ou até mesmo, para seu manejo dentro da cozinha.

A embalagem à vácuo, nada mais é do que a retirada do ar de dentro do pacote. Esse processo possui vários benefícios, entre eles, a otimização do espaço nas prateleiras, o aumento do tempo de conservação da cor e do sabor, além de poder ser realizado nos mais diferentes produtos, desde queijos, peixes e castanhas, até pizzas, massas, legumes e verduras. O alimento in-natura pode perder algumas de suas propriedades quando entra em contato com o ar, pois ficam sujeitos à proliferação de micro-organismos, geradores de fungo, aumentando as chances de estragar mais rápido. Por isso, a embalagem à vácuo é uma grande aliada, em especial no setor alimentício.

Os chefs de cozinha também aderem ao processo no preparo de deliciosos menus. Na culinária, a embalagem à vácuo é utilizada para que o tempero tenha mais aderência ao alimento. Conhecida como sous vide, essa técnica permite que o tempero seja inserido no saquinho, junto com o alimento, que será levado à vácuo. A pressão exercida, faz com que ele fique mais concentrado, trazendo sabor à comida, além de ser mais rápido do que marinar, por exemplo. A vedação do alimento, realizado pelas máquinas seladoras, ocorre por meio do aquecimento da embalagem por um metal.

Na Everest, empresa que atua na fabricação de máquinas seladoras de embalagem à vácuo para diferentes segmentos, você encontra uma variedade de equipamentos e peças de reposição. Para se manter informado sobre o setor acompanhe nosso blog. Caso queria conhecer os produtos comercializados, não deixe de consultar o site!

Everest_BLOG_Fevererio_Embalagens práticas e seguras aumentam as vendas de produtos

Embalagens práticas e seguras aumentam as vendas de produtos

Precisamos constantemente ir a um supermercado para comprar alimentos e itens de higiene pessoal, alguns vão semanalmente ao estabelecimento, outros preferem comprar tudo o que precisam em apenas um dia do mês. Todas as vendas feitas nesses locais são analisadas anualmente pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras) e com esses números a instituição calcula se os consumidores compram mais ou menos em comparação a números de meses e anos anteriores, dessa forma definem o que precisa ser melhorado no setor.

Os números analisados pela Abras em 2017 registrou um crescimento de 1,25% em relação a 2016 e, apesar de ter sido 1,5% menor do que foi previsto no final do ano pela instituição, foi um crescimento notável para as empresas que estão em momento de recuperação.

A indústria de alimentos tem trabalhado em projetos que incentivam consumidores a adquirirem seus produtos, mudam as fórmulas quando é preciso e desenvolvem embalagens práticas e seguras que chamem a atenção dos clientes ao facilitarem as atividades diárias. Estes são fatores importantes no comércio para atrair o público-alvo, pois se as embalagens forem mais cativantes, fará com que sejam os produtos sejam escolhidos ao invés de outros que não possuem pacotes tão interessantes. Veja algumas dicas para ter uma embalagem que chame a atenção do usuário:

Cores vivas

Estudos mostram que 90% das decisões de compra são influenciadas pelas cores impressas na capa do item. Por isso usar cores vivas e que combinem com o alimento, o destaca nas prateleiras e incentiva quem está passando naquele momento a olhar para o artigo e levá-lo para casa.

Design atrativo

Criar um design bem elaborado é essencial para que o público-alvo leve o item para casa. Com o auxílio das cores vivas as formas conquistam a atenção no corredor em que estão e venderão mais do que as outras marcas.

Praticidade e segurança

Apesar da maioria preferir itens com cores e designs atrativos, a praticidade e segurança também são importantes no momento de decisão de compra. Desenvolver embalagens práticas e seguras  para os produtos como as embalagens a vácuo, permite que os itens fiquem conservados por mais tempo e ocupem menos espaço nos armários da casa. Grandes empresas têm escolhido usar esse recurso, principalmente no setor de carnes e cereais, pois impede a contaminação por bactérias e faz os consumidores se sentirem seguros ao usar esses alimentos em uma refeição.

As embalagens a vácuo tem baixo custo e não são difíceis de serem produzidas. Existem máquinas que embalam o produto sem oxigênio em questão de segundos. Essas ferramentas são fáceis de serem encontradas e valem a pena o investimento. A Everest Seladoras trabalha especialmente com máquinas seladoras, acesse o site e tenha embalagens práticas e seguras para os seus produtos!

EverestSeladoras_BLOG_Dezembro_Veja como máquinas encarteladoras skin podem ser úteis para sua empresa!

Saiba como máquinas encarteladoras skin são úteis para sua empresa

A embalagem é muito importante para a boa venda de um produto. Por mais que o produto seja bom, se a embalagem não chamar a atenção ou não o proteger corretamente, há a possibilidade do consumidor não querer aquele produto por causa da do pacote que o envolve. Estudos mostram que cerca de 75% de empresas que investem em uma boa embalagem tiveram grande aumento em suas vendas. No entanto, para embalar bem um produto, é preciso uma boa ferramenta de empacotamento.

Grande parte das indústrias trabalha com máquinas encarteladoras skin para embalar o produto de forma fácil e criar uma embalagem que permita que o consumidor tenha uma boa visão do produto que pretende comprar. Essa ferramenta simplifica a rotina em muitas fábricas, pois possibilita o empacotamento de várias peças ao mesmo tempo, o que ajuda muito na otimização do trabalho na empresa. A máquinas encarteladoras skin são ótimas para embalar bijuterias, ferramentas, revistas, utilidades domésticas, ferragens, peças para veículos automotivos, cutelaria, brinquedos e outros objetos considerados grandes como mangueiras para jardim.

As máquinas encarteladoras skin embalam os produtos facilmente,. é necessário apenas uma folha de papelão perfurada e envernizada acompanhada de uma folha de plástico filme de pvc própria para a máquina. O plástico é colocado em um compartimento que, através de uma alavanca, o levará até o local onde será aquecido por cerca de 60 segundos. Ao passar esse tempo, a própria máquina acende uma luz para avisar que o papel está pronto. Após isso, com auxílio de uma alavanca, o plástico desce até o produto e o papelão. Nessa parte do processo há um dispositivo que suga todo o ar, dessa forma embala o objeto à vácuo e deixa o produto mais seguro e fácil para o cliente visualizar no momento da compra.

As máquinas encarteladoras skin são seguras para quem trabalha na empresa. Com auxílio de alavancas e botões, o colaborador tem menos chances de se machucar enquanto embala a mercadoria. Além de não serem grandes e ocuparem pouco espaço na produção.

Todo investimento na empresa deve ser para melhorar a qualidade da mercadoria e a satisfação do cliente e esse equipamento irá ajudar. Na Everest Seladoras é possível encontrar máquinas encarteladoras skin, acesse nosso site e tenham uma embalagem mais resistente e atraente para seu público-alvo!

EVEREST_blog_NOVEMBRO_shrink

Seladoras shrink com túnel de encolhimento: para que servem?

As máquinas seladoras são uma ótima opção para quem precisa conservar algo que precise ser protegido de umidade, poeira ou até mesmo do ar. Para empresas ou pessoas que trabalham com produtos embalados como garrafas de água, refrigerantes e outros produtos, essas máquinas são muito úteis para o melhor desempenho e finalização do produto. No entanto, há um tipo de máquina seladora que é mais prático para esses casos, as seladoras shrink com túnel de encolhimento, mais práticas e seguras para o processo de empacotamento dos produtos.

Como funciona

Essa máquina como as outras seladoras, fecha a embalagem de forma prática e rápida, muito recomendada para empresas que trabalham com produtos promocionais, pois embalam o material todo. O túnel de encolhimento é o que ajuda na rapidez do processo.

A preparação do produto é feita em duas partes: a primeira etapa de embalagem, envolve todo o produto com o plástico, levado pela esteira o item entra no túnel de encolhimento de plástico, onde é aquecido por meio de uma corrente de ar quente gerado por resistências ligadas a sensores que ao chegarem até uma temperatura pré-definida, são automaticamente desligados e o sistema de ventilação de ar frio é ativado, o que gera um choque térmico na embalagem e faz com que o plástico se encolha e fique com uma textura firme. Dessa forma o produto ficará protegido pela embalagem de plástico, o que aumentará a sua vida útil.

As temperaturas no tubo de encolhimento variam devido ao produto utilizado. Se for usado polietileno, a temperatura recomendada é de 220º C. Se for usado materiais como PVC e poliolefínico, as temperaturas são mais baixas e devem ser mantidas em 180º C.

Por que adquirir uma máquina seladora shrink?

Essa máquina é ótima para quem precisa embalar produtos. Apesar da esteira, o seu comprimento não é tão longo e assim não ocupa muito espaço. Além disso, garante mais qualidade para os produtos embalados. A Everest Seladoras possui vários modelos de seladoras shrink com tubo de aquecimento. Acesse o site e escolha a melhor seladora para você e sua empresa!

EVEREST_blog_OUTUBRO_utilidade

Para que servem as máquinas seladoras? Descubra e invista na sua

Comerciantes e fabricantes de diversos produtos, principalmente do setor alimentício, são desafiados todos os dias a oferecerem aos seus clientes produtos de qualidade e com excelente estado de conservação. Mas como manter alguns alimentos, como carnes e queijos, expostos nas gôndolas e geladeiras sem prejudicar suas propriedades, aparência e sabor? A principal alternativa para esses gestores são as embalagens a vácuo, produzidas por máquinas seladoras, estas permitem que os alimentos sejam mantidos em locais abertos por mais tempo e com a preservação de todas as suas características.

No setor alimentício, produtos conservados e com boa aparência nas gôndolas aumenta o potencial de vendas e os lucros para comerciantes e fabricantes, ninguém quer consumir um produto com aparência desagradável e com qualidade inferior. Além da aparência externa do produto e da manutenção do sabor, os produtos embalados em máquinas seladoras ficam protegidos das bactérias e microrganismos que transitam pelos no ambiente seja pelo ar ou pelas superfícies, preservando o alimento e garantindo a saúde dos consumidores que não serão expostos a contaminações bacterianas.

Extremamente úteis, as máquinas seladoras não são equipamentos de grande porte, podendo se adaptar a espaço reduzidos com conforto suficiente para operação. De uso simples, os operadores deste tipo de ferramenta não precisam se preocupar em como realizar o trabalho ou com riscos de acidentes. Alguns modelos de máquinas seladoras oferecem facilidades como controle da potência de solda, acionamento através de pedal, acionamento pneumático e bandeja de apoio com regulagem de altura, além da velocidade de operação permitindo a selagem de milhares de embalagens por dia. Problemas e quebras nas máquinas seladoras são raros, visto que essas são bem resistentes e possuem estrutura em aço. Movidas a energia elétrica, as máquinas seladoras são bivolts, o que facilita a rápida instalação e início dos trabalhos.

Grampear, enrolar ou colocar pregadores para fechar as embalagens dos seus produtos será coisa do passado ao adquirir uma máquina seladora, com elas você poderá embalar todos os seus produtos com facilidade e comodidade, além de evitar preocupações com avarias na embalagem durante o transporte e o estado de conservação dos alimentos, já que as embalagens a vácuo mantém o seu produto fresco como tivesse acabado de ser produzido.

Com a facilidade de alguns cliques, é possível comprar máquinas seladoras e desfrutar todos os benefícios destes equipamentos. Visite a loja virtual da Everest Seladoras e invista no seu negócio!

EVEREST_blog_SETEMBRO_vacuo

Alimentos semi prontos, embalados a vácuo ou congelados são tendência

É usual que os hábitos alimentares se modifiquem com o passar do tempo, rotinas diferentes, desejos variados e até mesmo os avanços tecnológicos influenciam na forma como nos alimentamos. Como a correria e falta de tempo se tornou algo comum nos dias atuais, buscarmos as formas mais práticas de nos alimentar, assim os alimentos semi prontos, congelados e embalados a vácuo tomaram conta do mercado. A comida caseira muitas vezes é trocada por lasanhas prontas ou outro alimento que ao ser levado ao micro-ondas fica prontos em instantes. Mesmo optando por estes alimentos em diversas ocasiões, é comum que as pessoas tenham dúvidas do quão saudável esta alimentação é em comparação a tradicional
O congelamento e a embalagem a vácuo são métodos de armazenamento que não alteram muito o caráter nutritivo do alimento, visto que não há, obrigatoriamente, adição de produtos químicos como os conservantes, assim possuem melhores propriedades nutricionais que os alimentos desidratados e enlatados. Na contramão, os alimentos semi prontos são totalmente industrializados e quase nada nutritivos. A melhor forma de armazenamento e embale dos alimentos deve ser testada para que não altere características como sabor, nutrientes e aparência. Algumas verduras, por exemplo, não podem ser congeladas ou embaladas a vácuo, pois ficam queimadas ou danificadas.
Saiba mais sobre cada método de conservação e produção de alimentos.

Semi prontos
Nos alimentos semi prontos é comum a adição de diversos componentes químicos para que eles tenham uma vida útil maior. Pela grande adição de sódio e outros aditivos, algumas pesquisas apontam cerca de nove vezes mais sódio do que em um alimento comum, estes alimentos são prejudiciais à saúde. Os alimentos semi prontos, normalmente, são mantidas congeladas ou desidratadas, mesmo com a grande quantidade de conservantes químicos.

Congelados
O feijão, arroz, massas, carnes, doces, alimentos do ramo de panificação, sopas e refeições pré-cozidas são exemplos de produtos que podem ser congelados. Para que o alimento dure por longos períodos através deste método, ele deve ser mantido com temperatura entre – 8°C a -18°C, quanto menor a temperatura maior o tempo de vida útil do alimento com preservação de suas características. Cuidados como higienizar bem os alimentos e retirar qualquer parte deteriorada antes do congelamento também ajudam a prolongar a duração dos alimentos congelados.
Só o congelamento já é suficiente para armazenar os alimentos por longos períodos, porém é comum que seja feito na indústria também outro método de conservação simultaneamente, como a redução da quantidade de água no alimento que auxilia também na desaceleração da multiplicação dos microrganismos.

Embalado a vácuo
Manter o alimento in natura, fresco e sem qualquer tratamento térmico, é mais nutritivo do que os industrializados, cozidos ou congelados. Esta é a intenção dos fabricantes ao embalar seus produtos a vácuo, visto que assim eles não sofrerão alterações que o farão perder as características sensoriais e nutritivas. Normalmente são embalados a vácuo, alimentos como presuntos, cortes de carnes, queijos firmes, salames e mortadelas.
Com baixa concentração de oxigênio, há redução da atividade enzimática e microbiana, o que mantém estes alimentos preservados por mais tempo. Para produzir embalagens a vácuo basta apenas possuir recipientes plástico e máquinas seladoras. De acordo com a Everest Seladoras, com a máquina e material em mãos materiais, não é necessária grande capacitação para produzir as embalagens, pois o próprio manual do equipamento auxilia no manuseio e todo o processo é bem simples”, explica.

everest_blog_agosto_maquinamanutencao

Saiba qual a importância de fazer a manutenção das máquinas seladoras

As embaladoras a vácuo são muito práticas para alimentos e outros produtos. As embalagens a vácuo mantém os produtos bons para consumo por muito mais tempo e evita que eles se contaminem com possíveis microrganismos no ambiente. No entanto muitas máquinas quando usadas continuamente e constantemente acabam parando de funcionar, e obviamente precisam de um conserto ou até mesmo ser substituídas.

Por que fazer a manutenção das máquinas seladoras?

Quando se faz a manutenção das máquinas seladoras, a vida útil do produto aumenta significamente, não haverá preocupação de parar de funcionar repentinamente e nem surpreender os funcionários com barulhos ou cheiros estranhos. Além disso, quando a manutenção está em dia, o rendimento das máquinas é o maior possível.

A manutenção das máquinas seladoras na grande maioria das vezes é mais barata do que adquirir um produto novo, sem dizer que hoje em dia é muito fácil achar um local que faça uma boa revisão e mantenha a qualidade do produto sempre em dia.  Então não é preciso pensar muito para ver que manter a seladora sempre em bom estado compensa muito mais do que ter que gastar mais comprando uma nova.

Outro item importante é a segurança. Apesar das seladoras não serem um produto que podem causar algum acidente no meio de trabalho, é sempre bom tomar o devido cuidado. Se houver uma falha interna da máquina, pode acabar soltando fumaça ou até sobreaquecer a tomada em que fica ligada, e assim causar um curto circuito e afetar o local de produção, com a manutenção em dia, esses problemas não acontecerão.

Como fazer a manutenção?

A manutenção das máquinas seladoras tem que ser feita por um especialista no assunto, assim ele saberá o que trocar da melhor maneira possível, sem causar danos para a máquina. Por mais que muitos achem que podem “dar uma olhada” no produto porque acreditam que sabe como funciona, pode acabar piorando a situação. Então a melhor opção é levar em uma assistência técnica especializada que pode fazer o melhor trabalho possível para manter a máquina seladora com a qualidade. Desse modo será mais difícil para que a seladora estrague. A Everest oferece diversas peças para manutenção de máquinas seladoras, confira o site e solicite seu orçamento.

everest_blog_julho_inovacao

Que tal inovar na embalagem do seu produto? Confira algumas razões

Estamos em tempos de mudanças constantes, em todos os setores, diariamente surgem novos desafios. Com tanta novidade é comum que a fidelidade do consumidor as marcas fiquem no esquecimento e as empresas precisem se esforçar cada vez mais para conseguir a atenção dos clientes nas gôndolas do varejo, aonde lado a lado, os produtos se confrontam diretamente para serem os escolhidos.  Uma boa forma de ter destaque diante dos olhos e preferência dos consumidores é oferecer algo diferente ou inovador em relação ao que já é oferecido no mercado. O cliente não quer chegar ao supermercado e encontrar os mesmos produtos que sempre vê nas prateleiras, ele quer encontrar coisas novas. Uma boa opção para estas empresas que querem sair da mesmice e ganhar destaque no mercado é investir na inovação da embalagem, ação que sai mais barata que grandes investimentos em marketing e mais prática que modificar o produto.

Inovar na embalagem não significa fazer algo que nunca foi feito, e sim modificar para que ela se torne a mais prática, eficiente e adequada possível ao seu produto. Benefícios extras como maior durabilidade do produto são percebidos e valorizados pelos clientes. Está interessado? Conheça alguns motivos para inovar nas embalagens.

Diferenciação

Produtos semelhantes, com embalagens idênticas e preços parecidos não apresentam valor ao consumidor. Situações como esta fortalecem apenas as marcas que já são líderes do mercado, se este não é o caso da sua empresa, inove. Se destaque por oferecer novidades e maior valor que a concorrência, os consumidores devem perceber este valor para que sua empresa se torne mais competitiva e interessante no mercado.

Inovar o produto sai caro

A Coca-Cola é um dos maiores exemplos de que inovar na embalagem pode sim garantir a marca destaque diante dos concorrentes. Com mais de 100 anos, o produto ainda possui a sua fórmula original, porém a embalagem já passou por dezenas, quem sabe centenas, de transformações.  Essa situação acontece principalmente com produtos que não tem como inovar radicalmente em sua fórmula e que a embalagem é o único fator que pode ser alterado para mudar a percepção do consumidor em relação ao produto. Além de que esta troca é muito mais prática e barata, imagine o quanto uma empresa investiria em pesquisas para encontrar uma nova formulação, formato, composição para seus produtos, a troca da embalagem é algo muito mais simples a ser investido e com impacto imediato nos consumidores.

Primeira referência

Quando o cliente chega a gôndola do mercado para fazer a compra é através da embalagem que ele tem o seu primeiro contato com o produto. O consumidor deve associar ao seu produto a algo bom, inovador, uma referência no mercado, ser visto como algo ultrapassado fará com que suas vendas despenquem rapidamente. Fique atento a este ponto, a tradição é algo bom para o seu produto, mas não deve fazer com que ele fique preso ao tempo, pequenas alterações que não alterem esta percepção, podem e devem ser feitas.

Marca não é tudo

Por mais que a sua marca seja reconhecida e valorizada no mercado, só isso não te garante uma posição confortável para sempre. Seus concorrentes podem inovar e se destacar, caso você estacione no tempo e mantenhas as embalagens desatualizadas. Busque sempre por novidades coerentes ao seu posicionamento e ao que seus clientes querem.

Com todos estes motivos para inovar na embalagem, ficou claro que elas não servem simplesmente para carregar o seu produto não é mesmo? Invista agora no melhor para o seu produto. Que tal embalagens a vácuo? Assim seu produto estará protegido, terá maior durabilidade e os clientes com certeza reconhecerão a sua superioridade. A Everest Seladoras oferece máquinas seladoras para as empresas que pretendem investir, confira as opções em nosso site e peça um orçamento.

everest_seo_junho_esteira

Esteiras transportadoras são fundamentais na indústria, saiba o porquê

Na indústria, a tecnologia é fundamental para acelerar e aprimorar processos, além de possibilitar a redução de custos, maior lucros das empresas e facilitar o dia a dia dos profissionais. Entre todo o maquinário utilizado na indústria, alguns equipamentos são fundamentais, é o caso das esteiras transportadoras. Projetado para movimentar objetos e matérias dentro das plantas fabris, este equipamento torna o processo logístico mais dinâmico e em alguns casos, o torna possível. Já imaginou a quantidade de pessoas que seria necessária para transportar garrafas de refrigerantes de uma grande fábrica durante todas as suas etapas até o consumidor final?  Com uma esteira este processo se torna simples e rápido.

Essencial no transporte, as esteiras transportadoras são utilizadas em vários setores, tais como construção civil (para transportar areia, brita, cimento), alimentício, automobilístico, e muitos outros. Para realizar seu trabalho, normalmente, as esteiras são motorizadas para facilitar a circulação dos itens, principalmente dos mais volumosos ou pesados. O formato destas depende da configuração industrial e também da área que irá ocupar, não possuindo um formato padrão, retas, curvas e cantos são configurados de acordo com a necessidade da empresa.

As esteiras transportadoras podem ser usadas em logística, armazéns e na indústria em geral. Para tanto deve ser colocada em locais estratégicos da empresa para que conecte todos os pontos de interesse. Uma das principais utilizações deste equipamento é a carga e descarga de caminhões, se tornando extremamente útil pela velocidade, praticidade e versatilidade que confere a ação.

As esteiras são fabricadas sob medida para as empresas, visto que tamanho, forma e materiais utilizados na construção precisam ser adequados a atividade destino. As esteiras da Everest são projetadas para serem utilizadas em linhas de produção para transporte de produtos para o túnel de encolhimento ou em outros segmentos apenas para transporte entre os setores. Este equipamentos possuem variador de velocidade controlado por potenciômetro, estrutura em aço, pintura eletrostática e esteira em Armalon ou Emborrachada, além do opcional de rodízios para transporte. Visite o site da Everest, não perca tempo, peça um orçamento e melhores os processos logísticos na sua empresa.

everest_blog_maio_vantagem

Descubra qual a vantagem de ter uma máquina seladora na sua empresa

As máquinas seladoras têm como função criar embalagens seguras e práticas. Com a utilização dessas é mais fácil garantir que um produto se manterá conservado mesmo após longas rotas de transporte ou amplo tempo de exposição. Com maior utilização no setor alimentício, estes equipamentos são utilizados também para selar produtos de diferentes gêneros, graças a variedade de modelos, tamanhos e funções das máquinas disponíveis no mercado. Que tal adquirir uma máquina seladora para a sua empresa? Ainda tem dúvidas? Confira mais informações.

O primeiro passo antes da compra da máquina é avaliar o tipo de negócio em que sua empresa está inserida e as funções que o equipamento deve ter. Para empresas do setor alimentício ter uma máquina seladora irá aumentar o tempo de validade dos seus produtos e preservar a qualidade deles até o momento da venda, se você tiver um restaurante que vende pratos pré-fabricados, uma seladora pode armazenar estes alimentos de forma rápida, organizada e duradoura, facilitando a sua produção e o dia a dia dos clientes. É produtor de frutas e legumes? As embalagens a vácuo podem aumentar a vida útil dos seus produtos em até três vezes, preservando todo o sabor, textura e cheiro. Lanchonetes, churrascarias, açougues e outros podem se beneficiar deste equipamento seja para venda dos seus produtos ou armazenamento de matéria prima. Além de estar protegidos de bactérias que transitam pelo ambiente, a aparência dos produtos embalados agrada visualmente os consumidores pela sua aparência mais saudável e higiênica.

Adquirir uma seladora pode ser uma ação estratégica para algumas empresas, ao ter seus próprios produtos com durabilidade maior, o que gera maior retorno e menos desperdícios, alguns empresários adquirem matéria-prima em grande escala, conseguindo melhores preços na negociação e aumentando ainda mais a margem de lucro. As embalagens também podem ajudar a indústria vender seus produtos em larga escala, já que a embalagem apropriada aumentará a qualidade do produto e seu valor mercadológico.

As máquinas seladoras não são equipamentos de porte excessivamente grande, com o tamanho que se adapta a diversos ambientes e uso simples, pode ser adquirida por qualquer empresa. Com voltagem 110V e 220V, não é preciso adaptações para colocá-la em funcionamento. O valor do equipamento varia de acordo com as dimensões, função e acessórios, mas os benefícios e lucros serão maiores que os custos.

Que tal adquirir uma seladora e não ter mais problemas com embalagens por ter que grampear, enrolar ou colocar pregadores? Com mais facilidade e comodidade, sua empresa terá embalagens perfeita. Conheça o catálogo de máquina da Everest Seladoras e peça seu orçamento já, aproveite esta oportunidade de crescimento para sua empresa.

everest_blog_abril_manutencao

Saiba o porquê a manutenção de máquinas seladoras é tão importante

As máquinas seladoras são usadas em diferentes setores da indústria e comércio, é o equipamento responsável pela selagem dos produtos que são comercializados para os consumidores. Tecnicamente, essas máquinas são responsáveis por garantir a conservação de produtos, mantendo-os intactos durante a sua exposição – principalmente alimentos. Por essa razão, o ideal é que a seladora execute a sua função adequadamente para não prejudicar a qualidade final desses produtos que serão comercializados.

Mas para garantir o bom funcionamento dessas máquinas seladoras é necessário manter um cronograma de manutenções preventivas, onde as mesmas passarão por processos que evitem problemas futuros. Essas manutenções serão cruciais ao dia a dia da empresa, pois evitam erros e riscos desnecessários que prejudicam a sua produção.

O que considerar no processo de Manutenção de Máquinas Seladoras

Na manutenção de máquinas seladoras, é importante considerar tanto processos preventivos, como corretivos. Esses processos garantem que as máquinas sejam avaliadas com objetivo de assegurar seu bom funcionamento, ao ponto de evitar alterações intensas e, que inclusive, forçam a compra de novas máquinas para substituí-las.

A prevenção permite que a máquina sofra uma parada programada, para realizar a sua limpeza e estudar os elementos que podem causar algum dano no futuro. Assim, ela será reparada antes que algo ocorra. Já o processo corretivo será executado quando algo errado acontece, este é um processo menos recomendado, pois a tendência é que ele cause prejuízos por exigir o conserto rápido das máquinas e paradas na produção da sua empresa – sem que a mesma tenha tido um aviso prévio de que esses processos de selagem teriam uma pausa. Ou seja, para garantir a eficiência dos serviços da seladora, é fundamental ter o costume de executar os processos de manutenção preventiva, seja higienizando a máquina ou trocando peças desgastadas.

Peças de reposição das Máquinas Seladoras

Para garantir o bom funcionamento de máquinas seladoras é importante analisar as peças das mesmas, e caso necessário, realizar a reposição das peças. A Everest Seladoras oferece máquinas seladoras de alta qualidade com garantia de funcionamento, além de peças de reposição para manutenção preventiva.

Conheça as peças de reposição da Everest. Execute a manutenção programada das máquinas e evite prejuízos.

everest_blog_marco_papel

Respeitar o prazo de validade dos artigos esterilizados é fundamental

Algumas pessoas têm dúvidas em relação ao prazo de validade do processo de esterilização dos artigos com as autoclaves. Contudo, o Manual de Processamento de artigos e superfícies em Serviços de Saúde, do  Ministério da Saúde publicado em meados do ano de 1994, determina um prazo de validade de, no máximo, sete dias, desde que a embalagem do artigo esteja devidamente íntegra e seca.

O problema é que esse prazo passa a ser um pouco rígido, principalmente para pessoas que possuem um ritmo de trabalho acelerado, não podendo fiscalizar frequentemente o prazo de validade dos artigos esterilizados em autoclaves. Além disso, o prazo de sete dias resulta em uma dificuldade de processamento de artefatos, já que ao expirar o prazo, as embalagens devem ser abertas no intuito de fazer os itens serem novamente esterilizados.

A solução para o curto prazo de validade dos artigos esterilizados

Existem alternativas para “sobreviver” ao prazo de validade que fora atribuído na determinação de 1994, como no caso do uso de uma embalagem secundária, que deve ser aplicado logo em seguida do processo realizado a partir da esterilização com autoclaves. A embalagem secundária deve ser aplicada assim que o artigo estiver de fato totalmente resfriado, permitindo que o prazo da esterilização prolongue, e sendo mantido por até 30 dias.

Tecnicamente, esse prazo de validade dos artigos esterilizados é muito incerto, mas segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA, o que determina a data limite dos produtos esterilizados em autoclaves (papel grau cirúrgico) é um plano de avaliação que analisa a integridade das embalagens. No caso, essa avaliação pode analisar a resistência das embalagens, condições de umidade e temperatura, além da segurança e rotatividade.

O problema é que essas alternativas podem sugerir um custo relativamente maior, por isso que o ideal seria ter uma política que siga o prazo determinado em 1994, de sete dias, já que atualmente a maioria das vigilâncias sanitárias continuam seguindo o prazo de validade que fora determinado a partir do Manual de Processamento.

everest_blog_fevereiro_tunelshrink

Túnel de Encolhimento Shrink agiliza a embalagem de produtos

Para as empresas que trabalham com grandes produções e necessitam agilizar o processo de embalagem, existem ferramentas que podem facilitar o trabalho diário e aumentar a sua produtividade. O túnel de encolhimento shrink, por exemplo, é uma dessas ferramentas. Este equipamento é uma máquina seladora de embalagens que encolhe diferentes tipos de filmes plásticos – seja o polyvinyl chloride (pvc), poliolefínico ou polietileno (pe).

Esse túnel funciona de maneira prática e rápida, basta colocar o produto embalado sobre a esteira para que o mesmo passe por sua câmara – executando assim, o encolhimento do filme plástico por aquecimento térmico. Contudo, existem outros modelos opcionais para o túnel de encolhimento, que além do aquecimento, podem oferecer uma cúpula extra para resfriamento que gera um melhor acabamento para o produto a ser embalado.

Além disso, essa cúpula extra para resfriamento se torna mais eficiente para o uso de embalagens feitas com os filmes de polietileno, que ao receber o jato frio sofrem uma espécie de choque térmico. Assim, a cúpula extra pode finalizar não apenas o seu processo de encolhimento, mas garante que as embalagens sejam  fortalecidas.  

No caso do túnel de encolhimento da Everest Seladoras, o processo para encolher as embalagens se torna ainda mais prático, pois a máquina é composta por um pirômetro digital que controla a sua temperatura e a variação de velocidade da esteira. Assim, a empresa pode regular o nível de temperatura ou a velocidade da esteira de acordo com sua produção e principalmente, conforme o tamanho da embalagem e espessura do filme plástico.

A utilidade do Túnel de Encolhimento Shrink

O processo de encolhimento que o túnel desenvolve pode garantir maior segurança para os produtos, evitando alterações que tendem a prejudicar sua utilidade e formato, principalmente no caso de alimentos, que precisam ser altamente selados para evitar contaminações. Mas além disso a máquina pode ser usada para os produtos gráficos, comércio têxtil e de cosméticos, produtos farmacêuticos, utilidades domésticas em geral, entre outros.

Solicite o seu orçamento de máquinas túnel de encolhimento shrink, seladora de embalagens da Everest Seladoras e aumente a produtividade dos processos de embalagem dos produtos da sua empresa!